Piso laminado ou vinílico: Conheça as vantagens e desvantagens

Na hora de escolher o piso laminado ou vinílico para a casas sempre surge a dúvida. A postagem de hoje vai te ajudar a fazer a melhor escolha para sua construção/reforma.

Piso laminado ou vinílico? Qual é o melhor?
Não existe o melhor piso! O que existe é qual o piso caberá no seu bolsou e atenderá a sua necessidade.

Principais diferenças

A principal diferença entre eles é a matéria prima e, a forma como são produzidos. A partir dessa matéria prima é que se tem as diferenças características de cada piso.
O piso laminado é, como já diz o nome, uma lâmina melamínica que imita madeira. Por não ser madeira bruta, tem uma resistência maior e ainda tem a vantagem de não sofrer com as variações do tempo.
Já o piso vinílico é feito de PVC, onde a maior parte das fábricas utilizam plástico recicláveis para a fabricação dele, o que o torna ecologicamente correto e a prova d’água.

Piso vinílico – Principais características


O piso vinílico tem a espessura entre 0,5 e 2 mm, ou seja, você pode aplicá-lo praticamente em qualquer lugar sem perder muito espaço desde que ele esteja nivelado (Não instalar sobre pisos de madeira).
A instalação pode ser feita através de encaixe ou usando cola. O principal diferencial é que ele não absorve água, o que facilita a limpeza. Também é antialérgico e resistente a queima de cigarros e fósforos.
O preço no mercado é mais elevado se comparado ao laminado.

Piso laminado – Principais características


O piso laminado tem a espessura entre 7 e 8 mm e seu sistema de aplicação funciona assim: é colocada uma manta para melhorar a acústica e evitar a umidade e, depois as placas são unidas por encaixe, não fazendo o uso de cola.
Ele não pode ser aplicado sobre outro piso, contrapiso deve estar super nivelado. A instalação é rápida, porém é necessário deixar juntas de dilatação.
No mercado, ele custa cerca de metade de preço do piso vinílico.

Se ainda não decidiu qual piso escolher, não se preocupe! Existe também a possibilidade de usar porcelanato que imita, perfeitamente madeira.

Espero que você tenha gostado das dicas. Caso ainda tenha alguma dúvida ou queira fazer uma crítica ou sugestão, escreva aqui nos comentários. Compartilhe com seus amigos em suas redes sociais!

Imagens: Pinterest/ Durafloor/Tarkett

Spread the love

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *